segunda-feira, fevereiro 16, 2015



    Você pergunta se estou bem e eu gostaria de dizer que estou agoniada, pois tento fazer qualquer coisa que te tire da minha cabeça, mas você interrompe todas essas coisas quase sem querer. Gostaria de dizer que estou exausta, a cada dia fica mais complicado pensar em nós porque tem sempre um motivo novo para desistir e três outros para insistir. Eu queria dizer que até sinto tonturas enquanto encontro razões diferentes para coisas que você disse há tanto tempo e que eu vou perdendo a exatidão e só vou me recordando do que senti. E eu gostaria de dizer que estou confusa, os sentimentos nunca estiveram tão bagunçados para mim como estão agora e que o agora é o espaço-tempo que adentrei quando te conheci. Gostaria de dizer que até sinto um sufoco. Eu gostaria de confessar que na memória eu tenho uma caixinha toda sobre você na qual guardei detalhes do seu sorriso, voz e essas coisas que você já sabe de cor que eu gosto porque, sabe, já deixei escapar. E eu gostaria de dizer que estou louca, só para retornar às discussões passadas porque agora eu tenho respostas e elaborei bons argumentos, gostaria de voltar aos diálogos de semanas atrás porque agora eu sei bem o que dizer. Eu queria que você soubesse que eu me esforço para fingir que não me importo tanto, mas que quando tento contradizer qualquer coisa relacionada a você não consigo. E eu faria um drama imenso sobre tudo isso que sinto e pediria para você vir me ver, ficar até o resto da vida só para eu ser feliz. Mas eu respondo que estou bem, você segue com o seu dia tranquilo e eu sigo com o meu, esse dia de sempre, dia de ter tanto para dizer e somente acumular.


0 comentários:

Postar um comentário

Obrigada pela visita, por ler e comentar. Retorne sempre que sentir vontade.

Natasha

Natasha
Adquira o seu!

Blues Mudo

Blues Mudo
Disponível no Wattpad
Tecnologia do Blogger.

Curta no Facebook