domingo, junho 21, 2015

dó ré mim go


     é domingo, meu bem. você sabe que a gente pode rir até o fim do dia. no domingo ninguém chora, ninguém pensa nas besteiras que fez. vai ter carnaval em junho até mais tarde, vão atravessar as ruas sambando. é domingo, ninguém sabe se é final ou início, é só domingo. nem precisa ler poesia, nem precisa assistir filme que termina sem sentido, pode até ouvir chico e caê. mas o necessário é só o nada, é só deitar no chão. você pode ter dezessete anos de novo, pode adotar quinhentos cachorros, pode recortar revistas, pode inventar um jogo ou só ficar na frente da tevê. hoje as coisas acontecem como se fossem música, música de domingo.

flávia andrade

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigada pela visita, por ler e comentar. Retorne sempre que sentir vontade.

Natasha

Natasha
Adquira o seu!

Blues Mudo

Blues Mudo
Disponível no Wattpad

Arquivo do Blog

Tecnologia do Blogger.

Curta no Facebook