quarta-feira, outubro 07, 2015

discurso.

    sou mais da breja e do flerte. amor já tentei por um tempo, não funcionou bem e me enfiaram em um táxi pra voltar pra casa. tenho meia arrastão até os joelhos, porque eu gosto de arrastar multidões comigo, gosto que me sigam, que façam o que faço. não recomendo o que eu digo porque é tudo besteira, é tudo mentira. sou uma mentirosa compulsiva. eu ando pra longe que é pra deixar saudade, e quem sentir que venha me encontrar no topo do mais profundo da vida. sou de sentimentos rápidos, porém intensos. sou quem sente uma coisa só por uma semana e não esquece jamais, ainda que o sentimento se torne apenas um objeto na lixeira. por dentro sou cheia de interrogações, por fora estou rodeada de exclamações que me seguem até em sussurros. só a embriaguez é amiga e me ajuda a escrever melhor. das pessoas faço textos e proporciono décadas de sobrevivência. um brinde.

flávia andrade

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigada pela visita, por ler e comentar. Retorne sempre que sentir vontade.

Tecnologia do Blogger.

Curta no Facebook