terça-feira, novembro 10, 2015

Rotação

    Dou voltas ao nosso mundo sem bagagem, buscando qualquer coisa boa para levar de lembrança quando realizarmos, por acaso ou sem querer, nosso apocalipse. Cada pedra, parede, mesa com fotografia vai desabar sobre ambos, e rezaremos baixo para que não machuque. Eu só quero que você sobreviva e que eu vá bem; torço para que ninguém se perca nos escombros ou saia de mãos atadas. Enquanto isso somos grandes, uma paisagem até bonita, pertencendo a nós e nos sendo.
Flavia Andrade

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigada pela visita, por ler e comentar. Retorne sempre que sentir vontade.

Natasha

Natasha
Adquira o seu!

Blues Mudo

Blues Mudo
Disponível no Wattpad

Arquivo do Blog

Tecnologia do Blogger.

Curta no Facebook